>>>Queremos ser amigos de Richard Branson. E você também.

Queremos ser amigos de Richard Branson. E você também.

Um resort numa ilha caribenha, um safari de luxo, esqui nos Alpes... Todas as viagens com que sonha podem ser um convite da mesma pessoa: Sir Richard Branson.
N

ão gostamos dos nossos amigos pelo que têm, mas pelo que são. Mas se para além disso tiverem uma ilha privada para passar as férias, melhor. Por isso, o BFF (“best friend forever”) que qualquer pessoa pode ter no mundo, incluindo o casal Obama, é Richard Branson. Sabe perfeitamente quais são as suas férias de sonho? Poderá receber um convite deste empreendedor, aventureiro e milionário, seja para onde for. Um passeio de balão? Claro que sim, tem uma empresa de balões aerostáticos. Um banho nas Caraíbas? Com certeza, tem várias ilhas privadas nas Ilhas Virgens Britânicas. Voar ao espaço? Dê tempo ao tempo, também está a pensar nisso. E é difícil que resista a fazer um favor a um amigo, já que como ele mesmo confessa, “a minha maior fraqueza na vida é não saber dizer não”.

Chegar ao destino não será um problema. Branson, cuja fortuna é de 5000 milhões de dólares, é dono de várias companhias aéreas, duas companhias ferroviárias e uma empresa de automóveis de competição. E este ano de 2017 vai zarpar com a sua própria companhia de cruzeiros. Todas estas empresas se agrupam dentro do seu império, a Virgin. Mas Branson não se preocupa (apenas) com o dinheiro ou com os negócios. Gosta muito dos deportos de aventura, o que o levou a atravessar o Atlântico de iate e a dar a volta ao mundo de balão.

Há que ter amigos até no espaço

Parece que a Terra é pequena para o empresário, que decidiu apostar no turismo espacial. O objetivo com a Virgin Galactic é democratizar o acesso ao universo, embora atualmente não seja para todos. Um bilhete para viajar ao espaço custa 250 mil dólares.

Dentro da Virgin há varias cadeias hoteleiras, mas, ainda que tenham de escolher, os seus amigos seguramente ficarão com os destinos da Virgin Limited Edition. São hotéis ecológicos e de padrões elevados, localizados em algumas das paisagens mais fascinantes do planeta. O mais recente é San Bunyola, com três vilas privadas, viradas para o Mediterrâneo, na costa norte da ilha espanhola de Maiorca.

 

Do luxuoso acampamento Mahali Mzuri, na reserva natural de Masai Mara (Quénia), é possível presenciar um espetáculo natural único: a grande migração anual de milhões de animais. Na África do Sul, Branson tem a sua própria reserva, Ulusaba – dentro da reserva Sabi Sand – por onde é possível realizar um safari e depois descansar num dos seus dois hotéis. Sem sair da África do Sul, os amigos do milionário britânico podem deixar-se ficar por Mont Rochelle, o seu resort na pequena aldeia de Franschhoek, a 75 quilómetros da Cidade do Cabo, dedicado ao bom vinho e à comida gourmet.

Terrace in one of the Son Bunyola villas
Numa das suas viagens de balão, Branson apaixonou-se pelo lugar onde depois construiu Kasbah Tamadot.

Pode ainda continuar a dar a volta ao mundo pela mão de Richard Branson. O luxo e o exotismo marroquino chama-se Kasbah Tamadot. Escondido na Cordilheira do Atlas, este hotel oferece, entre muitos outros serviços, cinema ao ar livre por baixo das estrelas. Também nas montanhas, mas nos Alpes suíços, tem um refúgio para esquiadores. Não há melhor plano após um dia de esqui do que mergulhar no jacuzzi do The Lodge e saborear um jantar de três estrelas Michelin.

 

Se a sua ideia de férias perfeitas for tomar sol numa praia paradisíaca, também isso lhe pode oferecer. Por Necker Island, um ecoresort de luxo, passaram alguns dos seus grandes amigos, como Kate Moss ou Mick Jagger. Branson vive na vizinha Moskito Island, que é privada e onde só vão os mais íntimos. Foi aí que os Obama descansaram em janeiro deste ano, depois da despedida da presidência dos EUA.

Dinner in the savannah at Mahali Mzuri
O acampamento de safári de Mahali Mzuri é composto por 12 luxuosas tendas de campismo.

Se tiver a sorte de ter a sua amizade nunca mais terá de se preocupar com as férias. Caso contrario, há que fazer fortuna como ele. O seu conselho: para se tornar milionário comece com mil milhões e em seguida abra uma companhia aérea.

Artigos relacionados

Uma ilha pré-histórica entre as nuvens

Entre o Brasil e a Venezuela emerge o monte Roraima, uma meseta pré-histórica com “hotéis” e jacuzzis naturais.

Hotel Watergate, à prova de espiões

Quase 50 anos após a queda de Nixon, o hotel, testemunha de uma das maiores conspirações políticas dos Estados Unidos...

Portree: a colorida nota discordante

A melhor forma de combater o cinzento do céu escocês é dar-lhe cor. Nesta pequena cidade pesqueira sabem-no e transformaram...

A melhor festa da terra

Uma vez por ano, metade do deserto sul-africano monta uma cidade efémera dedicada à arte e cuja única premissa é...