>>>Restaurantes monoproduto: quando menos é mais

Restaurantes monoproduto: quando menos é mais

Maçã, trufa ou batata, um simples produto para que o comensal descubra todas as suas possibilidades. Propostas culinárias criativas que nascem da ultraespecialização.
C

omer já não indica apenas alimentação, mas viver uma experiência. Cada vez mais restaurantes oferecem ao cliente uma imersão completa no universo do produto. Fazendo orelhas moucas ao ditado “do pouco gosta-se e o muito cansa”, esta tendência que vai ganhando terreno passa por transformar um único alimento num símbolo gastronómico.

Nenhum produto é uma má opção para a ultraespecialização. Os britânicos consomem 11 500 milhões de sanduíches por ano, por isso não é estranho que o restaurante Melt Room, em Londres, tenha tornado a sanduíche de queijo fundido num prato gourmet. Ingredientes de grande qualidade e pão artesanal para prepararem as suas famosas sanduíches com generoso queijo fundido. Sempre protagonista em diversas combinações: com alface e mostarda, com cogumelos, com húmus e até com Nutella e mascarpone.

Erin y Allison con macarrones con queso.
Erin e Allison deixaram os seus trabalhos no escritório para montar o seu restaurante especializado em macarrão com queijo.
Foto: Home Room

Chuva de almôndegas

The Meatball Shop, restaurante especializado em almôndegas, é uma instituição em Nova Iorque. O menu permite escolher que tipo de carne prefere (com uma opção vegetariana), o molho preferido e diferentes complementos. O brunch Balls Benedict mantém as almôndegas como protagonistas, numa irresistível adaptação do clássico.

Continuando com o queijo como protagonista, o Home Room, na Califórnia, é especialista nos tradicionais Mac&Cheese. Macarrões com queijo para todos e de todas as formas possíveis. Trinta variedades, desde o prato clássico, com cheddar, até alternativas cheias de sabor, com jalapeños, salsichas italianas, espinafres, bacon fumado ou alho. Todas as semanas servem mais de 5000 pratos.

A magia encontra-se em propostas que transformam um produto humilde em algo extraordinário. The Potato Project é um restaurante londrino que eleva a batata assada a gourmet. Para além da tradicional, elaborada com manteiga, encontramos propostas com toques asiáticos, como a batata-doce, com frango thai e caril de lima e coco, ou a batata de outono, com cogumelos, espinafres, queijo azul e óleo de trufa.

Universo “queijeiro”

O Poncelet Cheese Bar, em Madrid, oferece Cheese Tours, visitas guiadas para conhecer o processo de elaboração do queijo. Um circuito lácteo-turístico que começa no campo, a visitar a queijaria da quinta em Vega de San Martín, e que termina com uma degustação no restaurante.

Pomze, em Paris, transforma a maçã na rainha do restaurante. A ementa inclui 120 pratos que permitem ao comensal prová-la em todos os seus formatos, como os filetes de cavala, com molho ravigote de maçã Granny Smith. Seja qual for o prato escolhido terá de o acompanhar com uma das 30 sidras de diferentes regiões francesas produtoras.

Também surgem alternativas mais exclusivas. Maison de la Truffe, um clássico restaurante da capital francesa, com mais de 80 anos de história, é pioneiro na tendência do monoproduto. Cada prato é oferecido em três alternativas: sem trufa, com trufa da estação ou com trufa negra. Não existe melhor lugar para saborear a omeleta com trufa.

Tres perritos calientes de Bubbledogs
Em Bubbledogs servem 20 variedades de cachorros-quentes e têm mais de 60 variedades de champanhe.
Foto: BubbleDogs

Outros, como Bocadillo de Jamón e Champán, em Madrid, apostam em combinações atrevidas. O restaurante encontrou a excelência na sandes de presunto, procurando a máxima qualidade no produto e na tradição. E, como perfeita e divertida combinação, um bom vinho espumante. A sua “versão londrina” é Bubbledogs, uma proposta de cachorros-quentes e champanhe: tchim, tchim!

Artigos relacionados

Las Vegas aposta no vermelho

É possível visitar a ‘cidade do pecado’ sem cometer nenhum: nem se casar disfarçado de Elvis, nem jogar tudo na...

Regale-se em Módena

Além do seu vinagre, Módena propõe uma infinidade de pratos para um fim de semana gastronómico. Alguns estão no melhor...

Paris às escuras

Há um lugar onde não chegam as luzes da Torre Eiffel, nem os néons do Moulin Rouge. Pegue numa lanterna...

Bairros que ressuscitam

Pode um subúrbio marginal transformar-se no bairro mais ‘bonito’ da cidade? Nova Iorque, Barcelona, Hong Kong e Buenos Aires sabem...